Jean-Marie Muller
O Prof. Jean-Marie Muller é fundador e diretor do Instituto de
Pesquisa sobre a Resolução Não-violente de Conflitos [IRNC],
criado em 1984, que participa das reuniões da Secretaria Geral de
Defesa Nacional da França dede 1987.

Iniciou sua carreira como professor de Filosofia e, em 1970,
decidiu dedicar-se em tempo integral à pesquisa sobre a não-
violência e sua aplicação prática como informação, formação e
ação. Trabalha em estreita ligação com o Movimento por uma
Alternativa Não-violenta [MAN], do qual é membro fundador e um
dos professores. De 1985 a 1992 esteve a cargo do curso sobre
Estratégia da Ação Não-violenta no Instituto de Estudos Políticos
da Universidade de Lyon.


Oficial da reserva do exército francês, em 1967 decidiu afastar-se por objeção de
consciência. No processo que se seguiu, foi sentenciado a três meses de prisão, mil francos
de multa e cinco anos de privação de seus direitos civis. Em 1982 participou do Conselho
Consultivo criado pelo Primeiro-Ministro francês para criar uma nova lei sobre a objeção de
consciência, que hoje permite aos reservistas obter sanção jurídica para a objeção de
consciência no serviço militar.

Em 1970, junto com Jean Desbois, fez greve de fome por suas semanas em protesto contra
a venda de seis aviões 'Mirage' ao governo militar brasileiro, o que produziu grande
impacto junto à opinião pública e obteve o apoio de numerosos movimentos sociais e
personalidades.

Em 1972 participou da ação 'Batalhão da Paz' enviado ao Pacífico para protestar contra as
provas nucleares francesas, a bordo do navio de protesto FRI, da organização 'Paece
Media'. Foi detido na base militar de Hao. Esta foi a última vez que a França realizou provas
nucleares a céu aberto.

Jean-Marie Muller é consultor da Universidade para a Paz da Costa Rica e autor de 27 livros
sobre a não-violência e assuntos correlatos, dentre os quais destacam-se O Princípio da
Não-violência
, Estratégia da Ação Não-violenta e A Dissuasão Civil.
Os Diferentes Momentos de uma
Campanha de Ação Não-violenta
"É Preciso Combater o Vírus da Violência"
Filósofo Prega a Cultura de Paz
Discurso proferido no Fórum sobre a Não-violência,
nov/2009, Iraque
voltar