IV.DIA INTERNACIONAL DA PAZ
14 DE SETEMBRO DE 1999
O Ano Internacional da Cultura de Paz será lançado em 14 de setembro de 1999.
Esse será o dia de abertura da última sessão da Assembléia Geral das Nações
Unidas até o ano 2000, e foi designado como o Dia Internacional da Paz. (Nota: O
Comitê Administrativo de Coordenação das Nações Unidas decidiu, quando de sua
segunda sessão em outubro de 1998, que o Ano Internacional da Cultura de Paz
seria lançado por todo o sistema das Nações Unidas no Dia Internacional da Paz de
1999.)

De modo a assegurar o mais forte impacto e alcançar o público mais amplo possível,
todos os Estados Membros são encorajados a organizarem eventos específicos para
o lançamento do Ano Internacional. O tema principal desses eventos será "a riqueza
de nossa diversidade cultural".


Sítios: "Mensageiros da Cultura de Paz" para o ano 2000

Pelo mundo afora, o anúncio do Ano Internacional da Cultura de Paz será feito em
sítios simbólicos, que, através de sua história, têm ganhado reconhecimento
universal. Esses sítios prestigiosos, que servirão de plataformas para a promoção da
Cultura de Paz a uma audiência televisiva mundial, simbolizam:

- a esperança e o progresso;
- a vitória sobre a violência;
- o diálogo entre diversas culturas, civilizações e religiões.

A agência nacional responsável por cada um desses simbólicos e exemplários sítios
irá participar na campanha mundial para desenvolver a conscientização pública do
Ano Internacional da Cultura de Paz, e, particularmente, irá:

- distribuir o "Manifesto 2000 por uma Cultura de Paz e Não-Violência" aos
visitantes;
- organizar, em cooperação com um parceiro nacional de televisão, um evento
nacional para o lançamento do Ano Internacional da Cultura de Paz em 14 de
setembro de 1999.

Eventos Especiais e Transmissão Televisiva

Uma transmissão televisiva internacional está sendo planejada para os eventos que
lançarão o Ano Internacional da Cultura de Paz. Essa difusão, que deverá ser de
alto padrão e direcionada a um amplo público, vincularia os eventos organizados em
torno desses sítios simbólicos e seria retransmitida por canais nacionais de
televisão.