5º Fórum

DIÁLOGO SEM FRONTEIRAS
e uma meta-rede para intercâmbio e cooperação


Em 1992 diversos movimentos sociais, culturais e políticos gestados
nos anos 80 participaram conjuntamente de eventos sucessivos: a
ECO´92 no Rio e Potosí´92 na Bolívia. A partir desse momento começou
um processo de diálogo entre diversos atores sobre temas de
cidadania, todos sob a mesma convocação: sem fronteiras.
Os encontros no Brasil, Argentina, Chile, Bolívia, Paraguai e Uruguai
multiplicaram-se. Neles tem-se tentado criar uma cumplicidade entre
sociedade civil e instituições. A partir daí passaram a participar deste
diálogo sem fronteiras governos locais e regionais, universidades,
organizações sociais e não-governamentais, trabalhadores da cultura,
sindicatos e empresários. Mais de 100 jornadas resultaram em vários
produtos e conceitos, alguns deles transformados em políticas públicas,
outros determinando critérios operacionais – todos constituindo pautas
precisas de articulação.
Em outubro de 1997, realizou-se em Niterói - RJ o primeiro de uma
seqüência de seminários inter-municipais (SIMAAS), que pretendem
estabelecer um Sistema de Enlace Inter-Regional na América Latina
baseado nos princípios da economia social e na tecnologia da
informação e das comunicações. O objetivo é avançar para uma
verdadeira meta-rede de intercâmbio e cooperação, onde governos
regionais, municípios e comunidades definam uma agenda estratégica
que combine medidas sócio-econômicas, de infra-estrutura e de
segurança ambiental com soluções institucionais. Estas ações procuram
levar a sociedade para um patamar de qualidade de vida aceitável para
todos.

Palestrantes
Ricardo Harduim
Biólogo, especialista em Ciências Ambientais, Tecnologia Educacional
e Administração Escolar. Diretor de Educação Ambiental da Secretaria
do Meio Ambiente de Niterói. Coordenador do Projeto de
Reflorestamento Integrado da Mata Atlântica e Coordenador do
SIMMAS – Seminário de Integração Municipal da América Área Sul.
Ale Ratti
Coordenador da Área MERCOSUL do Programa de Vinculação
Regional e Municipal da Secretaria de Indústria, Comércio e Trabalho
do Governo da Cidade de Buenos Aires.

ENTRADA FRANCA

13 de março, terça-feira – 18h
Local: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Av. Dr. Arnaldo, 715 – São Paulo – Sala Cyro Ciari - térreo
(ao lado da Estação Clínicas do Metrô)

Realização: Comitê Paulista para a Década da Cultura de Paz